quinta-feira, 4 de setembro de 2014

Amor à Verdade




O CÃO BÓRIS
Joãozinho mora com sua mãe e seus irmãos num bairro distante da cidade. Sua mãe, todos os dias, bem cedinho, sai para o serviço, recomendando-lhe cuidado com a casa, com dois irmãos menores, Maria e Francisco e com o cachorro da casa, o Boris, dando-lhe água e comida.
João e seus irmãos adoram Boris, adora brincar com ele, levá-lo para passear, dar carinho a ele. A brincadeira que eles mais gostam é de jogar a bolinha. João e seus irmãos ficam horas brincando com Boris de jogar a bolinha.
Dona Alice, mãe de João, é doméstica e, trabalha em uma casa de pessoas bondosas que quase diariamente a presenteiam com um punhado de docinhos e salgadinhos, que ela satisfeita leva para casa. Acontece que o alimento, que deveria completar a refeição da família, vem sumindo misteriosamente. 
Certo dia, Dona Alice leva um bolo delicioso que a sua patroa a presenteou, e mais pãezinhos e leite. Deixa o bolo na cozinha, e avisa ao João e aos seus irmãos:
___Queridos vamos comer esse bolo amanhã de manhã. Hoje vamos comer os pãezinhos e tomar o leite e vamos dormir.
E todos comem os pãezinhos e vão dormir. João vai dormir, e Boris vai deitar em sua caminha improvisada na cozinha, uma caixa de papelão com um paninho por cima. Boris adora essa caminha. Ele se sente quentinho e só dorme ali. 
Só que João não consegue dormir. Fica pensando no bolo, fresquinho, macio, e ainda por cima de chocolate... humm, Joãozinho adora bolo de chocolate. Então, João pensa “não vai fazer diferença nenhuma eu pegar um pedacinho né?” Então, Joãozinho salta da cama e vai em direção da cozinha. Corta um pedaço do bolo e come.... hummm tão gostoso. Ele pensa “não vai fazer diferença eu comer outro pedaço né?” E João come outro pedaço e outro até que somente sobrasse as migalhas do bolo. Pela manhã, a mãe de Joãozinho vai acordá-lo para escola, e percebe que a cama dele está cheia de migalhas de bolo. Ela pensa “Joãozinho não agüentou e comeu um pedaço do bolo de noite. Tudo bem comemos o restante agora”. Acorda o menino e manda-o tomar banho. O menino vai para o banheiro e a mãe vai para cozinha. Só que quando Dona Alice chega a cozinha encontra somente as migalhas do bolo. Dona Alice espera João chegar na cozinha já com seu uniforme da escola e, preocupada, pergunta ao filho:
___ João, o que anda acontecendo com a comida que tenho trazido? Cadê o bolo que trouxe ontem?
___ O Bolo? É o bolo...humm foi o Boris mamãe, o Boris que anda comendo tudo!!! Foi ele quem comeu o bolo!! Respondeu o menino apressado. Escondendo que ele mesmo é que havia comido todo o bolo.
A mãe, muito triste vai trabalhar e à noite quando chega em casa chama João e diz:
___ João, meu filho, vamos conversar. Temos que arrumar outros donos para o Boris, pois ele está comendo todos os alimentos, que deveriam complementar nossas refeições.


*****
Perguntar aos evangelizandos:
1.    Qual a profissão da mãe?
2.    Como ela conseguia os alimentos para levar para casa?
3.    É certo o que Joãozinho fez ao dar a culpa no cachorrinho Boris por ter comido o bolo?
4.    Vocês acham que Joãozinho deve deixar que mãe dê o cachorro Boris para encobrir a sua mentira?
5.    O que vocês fariam se tivessem comido o bolo?

Fazer as crianças pintarem o cão Boris.

Postado por Lu Beheraborde